Você ajudou famílias de Ribeirão das Neves e Santa Luzia

LBV entrega cestas de alimentos e kits de limpezas em mais uma ação solidária em Minas Gerais.

A LBV trabalha de maneira ininterrupta, desde o início da pandemia, em prol de famílias em situação de risco social e alimentar que foram afetadas pelo novo coronavírus.

Larissa EmerickSanta Luzia, MG — Famílias em situação de vulnerabilidade social e risco alimentar receberam cestas de alimentos e kits de higiene e limpeza doados pela LBV.
Nesse mês de maio, a LBV distribuiu 500 cestas de alimentos e 500 kits de higiene e limpeza a famílias de Ribeirão das Neves e Santa Luzia, em Minas Gerais. As entregas contaram com o apoio das Secretarias de Desenvolvimento Social e Cidadania dos dois municípios. 

Larissa EmerickRibeirão das Neves, MG — A cesta de alimentos contém arroz, feijão, óleo, açúcar, sal e macarrão. Com esta ação, a LBV visa amenizar as consequências sociais e econômicas geradas pelo novo coronavírus.
Ribeirão das Neves é o sétimo município mais populoso do Estado. Atualmente, mais de 17 mil famílias da cidade, situada na região metropolitana de Belo Horizonte, estão em situação de extrema pobreza, segundo o Cadastro Único do Governo Federal.

Larissa EmerickSanta Luzia, MG — Desde o início da pandemia, em março de 2020, a LBV trabalha de maneira ininterrupta para amparar famílias afetadas pela Covid-19.
Santa Luzia se encontra em situação semelhante. “O nível de desemprego está muito grande, mas a maior deficiência aqui é a insuficiência alimentar. Antes da pandemia, muitas famílias tinham essa demanda, mas o aumento foi muito grande”, explicou Luciene Gonzaga Silva, superintendente de Assistência Social da Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania.

Cada cesta doada contém arroz, feijão, óleo, açúcar, farinha de mandioca, macarrão, leite em pó, farinha de trigo e de milho, sal e fubá.

Ao receberem os benefícios, as famílias fizeram questão de procurar nossa equipe para registrar palavras de agradecimentos a você, amiga colaboradora e amigo colaborador.

Larissa EmerickRibeirão de Neves, MG — A sua doação vai alimentar centenas de famílias vulneráveis nesta pandemia.
Reproduzermos, abaixo, alguns desses depoimentos. Começamos com os relatos de Ribeirão das Neves:

“As maiores dificuldades são para pagar a conta de luz, de água e para fazer compra mesmo, levar o alimento pra casa. Já aconteceu várias vezes [do meu filho pedir] fruta, biscoito, leite [e eu não ter para dar]. Para uma mãe, ouvir isso do filho é bem difícil. É uma bênção de Deus ver um armário cheio de alimentos e poder fazer as coisas pros filhos. Que Deus continue abençoando a cada um que ajuda com doação!”, afirmou Maria Antônia da Silva.

Para Keli Karolina de Lima, a ajuda foi providencial. Ela também não tinha mais nada para dar aos filhos.

“Ontem, aconteceu de não ter o alimento para dar para os filhos. A gente aguenta, se vira, mas ver o filho pedindo é muito triste. [A cesta] vai ajudar demais, é muito importante porque não vamos dormir com a barriga vazia. Gratidão pelo carinho, dedicação e disposição de ajudar pessoas que nem conhecem.”

Enildes Batista da Silva vive da reciclagem. Nesta pandemia, com a escassez de trabalho, está sem renda e passa dificuldades.

“Trabalhamos com reciclagem e não é todo dia que a gente tem as coisas pra dar para os netos. Está tudo muito difícil, então graças a Deus [a cesta] veio numa hora boa, vai me ajudar muito. A vocês que me ajudaram, doando essa cesta, agradeço de coração. Deus manda as pessoas em forma de anjos e vocês estão sendo anjos para mim. Muito obrigada mesmo”, contou.

Agora, trazemos dois recados especiais de Santa Luzia. O primeiro deles é de Aluiz Pereira da Silva:

“A maior dificuldade para mim é o trabalho. Tenho muito a agradecer a Deus e depois a vocês porque [a cesta] chegou numa hora boa. Eu estava até sem café em casa. Hoje de manhã, peguei um pouco da borra que estava no coador para fazer o café pra eu tomar. Mas Deus é muito maravilhoso. Continue sempre o serviço de vocês.”

Para fnalizar, o depoimento de Maria Damasceno:

“[A cesta] vai me ajudar demais. Minhas coisas lá em casa já estavam no finalzinho. Agora eu já não vou ficar mais preocupada se vou ter que comprar um óleo, um arroz, um feijão para as crianças comerem porque graças a Deus a LBV está doando pra gente. Que Deus abençoe os doadores!”.

A sua ajuda leva não apenas o alimento, mas também a esperança e alegria a milhares de famílias.

Larissa EmerickSanta Luzia, MG — Esta é uma das famílias que VOCÊ ajudou ao doar para a LBV.
Graças à sua doação mensal, a LBV segue prestando este importante serviço a estas famílias. E neste período desafiador, toda ajuda a mais é bem-vinda.

Na luta contra o coronavírus, a LBV é esperança!

Larissa EmerickRibeirão das Neves, MG — A sua doação impede que a fome tome conta dos lares destas famílias de baixa renda. A você, nosso muito obrigado!

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias Relacionadas