10 relatos que provam a importância de sua doação

A LBV intensificou seu trabalho solidário e conta com SUA AJUDA para seguir amparando as famílias impactadas pelo novo coronavírus.

Já mostramos para você 10 provas de que SUA DOAÇÃO é importante, principalmente neste momento de pandemia.

Afinal de contas, desde o início da crise mundial de saúde, a LBV intensificou seu trabalho solidário e conta com este importante auxílio para seguir amparando famílias de baixa renda que foram impactadas pelo novo coronavírus.

Elas estão recebendo cestas de alimentos e itens de limpeza e higiene, a fim de diminuir os prejuízos econômicos e sociais gerados pela Covid-19.

Desta vez, como forma de agradecimento, deixaremos que nossos atendidos digam a você o quanto essa ajuda é importante. 😉

1. “Vim para o Brasil para dar uma vida melhor aos meus filhos”

A venezuelana Betsabel Ortega, de 31 anos, mora há mais de dois meses em Manaus/AM. Ao lado dos seis filhos, fugiu da crise humanitária e econômica que assola seu país e anseia por dias melhores em terras brasileiras. 

Esta é Betsabel Carolina Hernández Ortega, venezuelana de 31 anos. Ela veio para o Brasil em busca de condições melhores de vida. Graças a você, que ajuda a LBV, ela recebeu, neste momento de pandemia, uma cesta de alimentos e um kit de limpeza.
“Sou mãe solteira e não contávamos com recursos para alimentação, por mais que trabalhasse, vendesse algo, não alcançava dinheiro para comprar comida, eram poucas as coisas que podia dar a eles. Tomei a posição de vir ao Brasil para que possam estudar melhor, ter uma boa alimentação, uma vida melhor”, disse.

Leia o relato completo.

Graças a você, esta família terá o que comer e também poderá se proteger do coronavírus.

2. “Essa ajuda vai suprir nossas necessidades”

Em Ananindeua/PA, a pandemia afetou a renda e o emprego de muitas famílias vulneráveis. Por isso, ao ser amparada pela ação emergencial, Carmen Santos mandou o seguinte recado para você:

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Solidariedade | Mundo Melhor (@lbvbrasil) em

“Essa ajuda está vindo em boa hora, graças a Deus. (…) Se não fosse essas doações, estaríamos passando por uma situação muito mais complicada. Sou grata à LBV e a todos que contribuem”, afirmou.

Leia o depoimento na íntegra.

3. “Pedi uma luz e Deus mandou a LBV!”

A situação era tão desesperadora que Edna do Irineu do Amor Divino ajoelhou-se no chão de casa e rogou a Deus que amparasse sua família. Deparou-se com a fome, tão devastadora quanto o vírus que ameaça a saúde pública mundial. E a ajuda chegou!

Equipe LBV   
“Estava muito aflita. (…) Pedi muito a Deus para me enviar uma luz e Ele me enviou: a LBV! Não deixem de doar! Quando vocês doam, chega em cada família que está necessitada. Sempre temos o que comer porque vocês doam! Não deixem de doar, porque a LBV precisa da doação de vocês para fazer chegar essa comida na nossa casa. Obrigado a todos os colaboradores”.

Leia a história completa de Edna.

4. “Deus, abençoe as pessoas que ajudam a LBV!”

O vendedor de frutas Erasmo Nascimento, de 51 anos, mora com outras nove pessoas em uma casa humilde, em Natal/RN. Sem poder trabalhar, perdeu sua renda e sofre para manter as necessidades básicas de casa. Graças a você, teve o que comer neste momento.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Solidariedade | Mundo Melhor (@lbvbrasil) em

“Deus, abençoe as pessoas que ajudam a LBV, pois nesse momento tem ajudado muito a minha família. Muito obrigado Jesus!”, comentou.

5. “Com essa cesta de alimentos, vou ter comida para meu filho”

Cristiane Santos Soares mora com o filho e a irmã na comunidade São Caetano, em Salvador/BA. Com o aumento dos casos de Covid-19 na região, perdeu o emprego. Ao receber a cesta de alimentos da LBV, destacou:

Gabriela Souza    
“Emoção [em receber a cesta], porque sei que meu filho vai ter o alimento no prato. Não vou precisar pedir a um e outro e ouvir o povo dizendo que não vai poder dar por causa da epidemia. Tendo minha cesta de alimentos, sei que não vai precisar pedir, pois vou ter a comida para dar a meu filho.”

Leia o relato completo.

6. “Essa cesta de alimentos veio nos abençoar”

A sra. Isabel Santos, moradora do bairro Real Conquista, em Goiânia/GO, recebeu uma cesta de alimentos não perecíveis, um kit de limpeza e um cobertor. Ela contou, emocionada, como essa doação ajudou sua família neste período de pandemia.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Solidariedade | Mundo Melhor (@lbvbrasil) em

“Fiz uma cirurgia no coração e não estou trabalhando, só o meu filho está. Essa cesta veio nos abençoar, você não faz ideia. (…) Cada grão de arroz e feijão, que está aqui, dentro desses pacotes, é um abraço que Deus está dando em vocês. Muito obrigada!”

Leia o relato na íntegra.

7. “Estava praticamente sem nada”

A diarista Cláudia Costa, moradora de Brasília/DF, está enfrentado grandes desafios para manter a alimentação dos filhos, além de cuidar da saúde. Com emoção, contou como a sua doação a ajudou neste momento:

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Solidariedade | Mundo Melhor (@lbvbrasil) em

“Essa cesta foi a melhor coisa que aconteceu na minha vida, estava praticamente sem nada. A LBV é uma mãe para mim. (…) “Quero agradecer a todos os colaboradores, que Deus abençoe a vida deles, suas famílias. Que continuem ajudando a LBV para a LBV continuar ajudando, porque a gente precisa.”

Leia o depoimento completo.

8. “Se isso não é um gesto de Amor, eu não sei mais o que é Amor”

Ramilson Brito, pai de uma criança atendida pela LBV em Nova Friburgo/RJ, gravou esse emocionante vídeo para agradecer a sua doação, convertida em cesta de alimentos e um kit de limpeza. 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Solidariedade | Mundo Melhor (@lbvbrasil) em

“Este é o nosso respiro, isso é suficiente para sobreviver, graças a Deus. Não temos nem palavras para dizer a gratidão que temos por quem colaborou. Se isso não é um gesto de Amor, eu não sei mais o que é amor. Sou muito agradecido à LBV por tudo”, destacou.

Leia o relato na íntegra.

9.  “As crianças pedem algo a mais na alimentação e eu não posso corresponder”

Na Cidade Dutra, bairro da zona sul de São Paulo/SP, a LBV beneficiou famílias como a da autônoma Cristiane Rocha, que vende bolo de pote para complementar a renda.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Solidariedade | Mundo Melhor (@lbvbrasil) em

“Está sendo bem difícil, fico agoniada. (…) As crianças pedem algo a mais na alimentação e eu não posso corresponder da forma que gostaria, dói muito. Sua filha pedir um lanche e você não conseguir dar é muito dolorido. Agradeço, de coração, minhas filhas e minha mãe também. Só Deus para pagar!”, afirmou.

Leia o depoimento completo de Cristiane.

10. “Esses alimentos e cobertores ajudarão bastante, era o que precisávamos”

Moradora da comunidade da Ilha Grande dos Marinheiro, localizada às margens do Rio Guaíba, em Porto Alegre/RS, Janete da Rosa Gomes não escondeu a emoção ao falar da ação solidária. 

Alex Dias    
“Essa ajuda foi muito boa, nós estávamos precisando, meu marido começou a trabalhar agora. Gosto muito da LBV, das coisas que vocês fazem para a gente. Esses alimentos e cobertores ajudarão bastante, era o que precisávamos. Que vocês deem forças para mais gente, isso aqui é uma bênção.”

Leia, na íntegra, o relato da atendida.


A você, que contribuiu com esta ação solidária, nosso mais profundo agradecimento!

A força da Solidariedade é importante para que possamos amenizar esses impactos e socorrer emergencialmente quem mais precisa.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias Relacionadas